Vento, vento, vento, vento…

Um vento derrubou minha tenda. Não no sentido figurado… Comprei uma tenda bem bonita ontem, mas a ventania não a deixou ficar de pé.

Curiosamente eu também estou com dificuldade de me manter de pé hoje.

Coisas da vida.

Não sei o que é… A casa caiu também, conflitos familiares que não dizem respeito diretamente a mim, mas que me atingem em cheio. Tomei providências. Isso dói.

Vejo as coisas do mundo e não posso deixar de fazer minhas analogias. Muito embora reconheça que as analogias muitas vezes são ineficientes. Fico por aqui hoje. Torcendo por menos vento. Ou por uma ventania daquelas. Nunca se sabe o que é melhor!

2 comentários em “Vento, vento, vento, vento…”

  1. O vento vem para nos lembrar que devemos nos fortalecer ao ponto de apenas apreciarmos serenamente sua passagem. Cada dia mais acredito que chegamos lá. Beijo.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s